Pesquisar
Close this search box.

Início do ano letivo no IFPR Campus Palmas – diretora também destacou outras questões

Imagem de destaque - Rascunho automático
Compartilhar

A diretora-geral do IFPR Campus Palmas, Graciela Gehlen, recebeu a reportagem da TVA, e, explicou sobre o início do ano letivo na instituição que ocorreu no último dia (19).

Segundo ela, as expectativas sempre são as melhores, “ocorreu a recepção dos calouros, são mais de 600 estudantes que iniciaram esse novo ciclo de sua formação. Foram quatro ciclos de recepção dos estudantes. No período da manhã os cursos médios, técnicos e integrados e as graduações período diurno e a noite com o número maior de alunos com dois ciclos de recepção, um no auditório e um tour (conhecerem os espaços da instituição) que já havia acontecido no ano passado”.

 

A diretora explicou que participou de uma sessão da Câmara de Vereadores e utilizou a Tribuna Livre para apresentar a nova equipe diretiva, os projetos e as propostas do Campus enfatizando as questões do IFPR, especialmente, para permanecer o Tarifa Zero (através de um Projeto de Lei), uma demanda antiga da classe estudantil, “notamos o quanto alivia nas questões orçamentárias das famílias, muitos dos nossos estudantes são trabalhadores, isso estimula que busquem a formação no ensino superior e na pós graduação”, orientou ela e mencionou que o Professor Roberto autuou por uma gestão e meia. “Agora, é importante que a nova gestão se apresente a comunidade”.

Alimentação aos estudantes

Assegurou ainda que faz parte de seu Plano de Gestão no processo eleitoral avançar na questão da alimentação. “Temos a verba do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) que atende parcialmente nossos estudantes do ensino médio. A intenção é avançar com a aquisição de verbas para a alimentação dos alunos do ensino superior, semelhante aos Restaurantes Universitários”.

Imagem de destaque - ALEP
Imagem de destaque - TV A Folha