Pesquisar
Close this search box.

Fábrica de jeans vai gerar mais de 50 empregos em Cel Domingos Soares

Imagem de destaque - Rascunho automático
Compartilhar

A tão esperada fábrica de jeans, indústria de facção cuja a viabilização para instalação no município é mérito do atual governo municipal, está se tornando realidade e, em breve, oportunizará cinquenta vagas de empregos formais aos domingosoarenses.

Cel Domingos Soares é um município jovem e ainda enfrenta inúmeros problemas, os quais precisam ser solucionados. Por isso, a Prefeitura, através de seus departamentos, tem realizado trabalhos e ações em prol do crescimento, do desenvolvimento e progresso do município, resultando na melhor qualidade de vida de sua população.

Nos últimos dias, os departamentos municipais de Indústria e Comércio e de Administração têm realizado trabalhos de melhorias no barracão onde a indústria será instalada, para receber os equipamentos. Toda a parte elétrica foi revisada, substituição de telhas danificadas pelo granizo, limpeza das áreas externa e interna, instalação de luminárias, entre outros serviços fundamentais para o início das atividades.

De acordo com o diretor de Indústria e Comércio, Lucas Piragibe, o Posto Avançado da Agência do trabalhador estrará em contato com os trabalhadores que levaram seus currículos e nos próximos dias a empresa deve iniciar o curso de qualificação. Quem tiver interesse em uma vaga deve levar seu currículo até o setor. “A empresa vai qualificar essas pessoas e quem ganha com isso é a comunidade, é a economia do município. Estamos esperançosos para que essa fábrica venha a contribuir com o nosso município. Acreditamos que nos próximos trinta dias tudo esteja pronto para seguir o funcionamento da tão esperada fábrica de jeans em Cel Domingos Soares”, comentou.

Conforme o empresário Leandro Petry, proprietário da Les Confecções, quem já tem experiência profissional no ramo de costura passará por um teste e uma “reciclagem”, sendo automaticamente contratado. “Quem já tem experiência, como há alguns anos já havia uma facção de jeans e uma camisaria, vai ser feito apenas um teste e já vai ser contratado; para os demais a gente vai dar um treinamento, e a gente quer fazer quanto antes. Pegou o jeito, aprendeu a costurar, automaticamente será feita a efetivação e passa ser remunerado por isso”, explicou Petry, ressaltando que este é um momento de muita expectativa. “A gente vem para se instalar em Cel. Domingos Soares e ficar em definitivo. De início a gente quer gerar cinquenta empregos, e no decorrer a intenção é ampliar para setenta e cinco vagas”, complementa o empresário.

Atualmente a sede da empresa, localizada em Goioxim, Paraná, produz cerca de 2.500 peças/dia, que são destinadas para São Paulo. Em Cel Domingos Soares a produção, que pretende também chegar na mesma margem, deve ser destinada, inicialmente, para Santo Antônio do Sudoeste e Quedas do Iguaçu, com algumas peças encaminhadas a São Paulo.

Segundo o prefeito Jandir Bandiera, a efetivação dessa indústria no município representa a concretização de mais um ponto de seu plano de governo. “É um compromisso que temos no nosso plano de governo trazer empregos para o nosso município, e essa fábrica se tornou realidade, mesmo muitos não acreditando, e no mês de dezembro, se Deus quiser, vai ser inaugurada”, destacou Bandiera, enfatizando que também já foi licitado outro barracão na Área Industrial, onde uma fábrica de mesas e cadeiras plásticas já está se instalando e deverá ofertar em torno de 40 empregos.

Para que a vinda dessa fábrica de jeans pudesse se concretizar, a Prefeitura investiu R$ 750 mil em recursos próprios na aquisição de 55 máquinas de costura, 40 cadeiras ergométricas, 1 ferro de passar industrial e 1 mini-caldeira com ferro de passar.

P.M.C.D.S.

Imagem de destaque - ALEP
Imagem de destaque - TV A Folha