Pesquisar
Close this search box.

Secretaria da Saúde de Palmas se manifesta após inverdades em redes sociais sobre o descarte de materiais hospitalares

Imagem de destaque - Rascunho automático
Compartilhar

A Prefeitura de Palmas, diante de ataques públicos realizados em redes sociais, os quais são totalmente inverídicos, informa que, a equipe de Vigilância em Saúde deslocou-se até o local, no bairro Lagoão, em que foram descartados indevidamente, materiais ambulatoriais/hospitalares, na sexta-feira (01), em horário aproximado às 08h, sendo que, estes estavam em estado avançado de queima, ou seja, logo após terem sido captadas as fotos e vídeos, possivelmente, foi ateado fogo.

O município deixa claro que estes materiais não são da Secretaria de Saúde de Palmas, vez que referidos fornecedores não entregam esse tipo de material para o município. Os serviços de saúde municipais são equipados em sua maioria com materiais licitados diretamente, ou, ainda, o Consórcio Intermunicipal da Saúde (CONIMS) – Pato Branco, que possuem contratualizações expostas junto ao Portal de Transparência Municipal.

Por fim, cabe informar que já foram tomadas as providências cabíveis junto à Delegacia de Polícia, vez que tanto referido descarte irregular, quanto o atear fogo em área urbana configuram crimes puníveis pelo Código Penal.

A Secretaria de Saúde informa também que possui licitação vigente quanto ao descarte de resíduos especiais oriundos dos serviços de saúde, tanto para materiais/medicamentos vencidos, quanto para materiais utilizados.

 

Imagem de destaque - ALEP
Imagem de destaque - TV A Folha