Pesquisar
Close this search box.

Representantes do legislativo palmense responderam questionamentos em programa da TV A

Imagem de destaque - Rascunho automático
Compartilhar

Políticas Públicas foi a pauta do programa Direto ao Assunto, transmitido pela TV A, toda terça-feira, às 19h. O apresentador, Alemão do Jornal, fez questionamentos ao Presidente da Câmara, Paulo Bannake e ao 1º Secretário, Marquinhos Gomes.

“É importante que a população não desvirtue o papel e o trabalho do vereador. O Poder Legislativo constitucionalmente tem uma função importante, pois, todos os atos do Poder Executivo, atreladas as políticas públicas de desenvolvimento são discutidas na Câmara de Vereadores. O legislativo tem o poder de chancelar, ou seja, de autorizar o Prefeito de fazer ou não, esse serviço para as melhorias da população”, destacou Marquinhos.

Bannake, ressaltou que o papel fundamental do vereador, além de fiscalizar as ações do Executivo, tem que traduzir essas ações em melhorias para as pessoas. “Paralelamente, tem que ir em busca de recursos junto aos seus representantes dando o suporte ao Poder Executivo, pois, as demandas de Palmas são imensas”, afirmou ele.

Marquinhos, esclareceu ainda que cada vereador atua a sua maneira, “prefiro, encaminhar projetos prontos ao governo federal, estadual e a Prefeitura. Até somos questionados que a atribuição do vereador não é apresentar projeto, até pode não ser um das competências na Constituição Federal, mas, não tem nenhum impeditivo”.

Gargalos do município

“Devemos avançar em algumas questões, uma delas é a moradia, o município tem uma grande demanda. O próprio governo do Estado não ampara da maneira como deveria ser. Acredito que o governo federal também deverá investir mais através de novos cadastros. É uma intensa batalha”, pontuou Marquinhos e ressaltou também a problemática do interior do município que devido sua extensão territorial depende de um valor alto de investimentos.

Já Bannake, pontuou sobre o combate à fome e a miséria no município, “destinei uma Emenda Impositiva para a Assistência Social para compra de cestas básicas e propus a criação de um Comitê específico para este setor. Apesar das políticas públicas serem aplicadas tem muitas pessoas que não tem a oportunidade de fazer as três refeições diárias, isso é inadmissível”, disse ele e também comentou a necessidade de um novo Parque Industrial para promover novos ciclos econômicos em Palmas.

Gestor Público 

Marquinhos assinalou que em ano eleitoral aparecem muitos salvadores da pátria, “as vezes tudo que um gestor público apresentou passa a ser nada, as pessoas desqualificam o seu papel de tal forma porque se torna algo pessoal. Tem os vereadores de Facebook e redes sociais”, reiterou.

“Além de ter uma formação, o mais importante é que o gestor conheça a realidade do seu povo, saber para quem vai governar. De nada adianta em ano eleitoral tentar se construir um governante. É fácil contratar um marqueteiro e direcionar as ações desta pessoa”, ressaltou Bannake.

Ações

O vereador Marquinhos, comentou ainda seu trabalho para que seja ampliado o Parque Eólico de Palmas e também construções de Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH) e as Centrais Geradoras Hidrelétricas (CGH).

Leis

Ambos os parlamentares ressaltaram que se tornaram Leis Municipais, Tarifa Zero, Ensino em Tempo Integral, UPA 24h, Restaurante Popular e uniformes para os alunos das escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI’s).

Secretaria de Educação        

        Os parlamentares ressaltaram ainda os constantes investimentos no setor educacional municipal, mudando a realidade nestes últimos anos, inclusive com premiação a nível estadual.

Imagem de destaque - ALEP
Imagem de destaque - TV A Folha