Pesquisar
Close this search box.

Menina de 12 anos foi vítima de estupro coletivo

Imagem de destaque - Rascunho automático
Compartilhar
Uma menina indígena, de 12 anos, foi vítima de estupro coletivo praticado por seis homens em aldeia em Espigão Alto do Iguaçu, no centro-sul do Paraná, na madrugada do último domingo (25).
Segundo dados do Censo 2022, 4.797 pessoas vivem no município, que fica localizado a oito quilômetros de Quedas do Iguaçu, também no centro-sul do estado.
Os seis infratores eram da mesma aldeia e praticaram os abusos enquanto ingeriam bebidas alcoólicas, de acordo com a Polícia Civil. O cacique acionou o Conselho Tutelar e denunciou o crime.
Ainda segundo a Polícia Civil, a vítima foi encaminhada ao hospital e, em seguida, realizou exames do corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML).
A adolescente também deve passar por escuta especializada – procedimento de entrevista que ocorre em casos de violência contra criança ou adolescente, com objetivo de garantir proteção e cuidado.
As seis prisões em flagrante foram convertidas em prisões preventivas. O caso segue sob investigação da Polícia Civil.
Com informações Redação Catve.com
Imagem de destaque - ALEP
Imagem de destaque - TV A Folha