Pesquisar
Close this search box.

Forças de Segurança de Palmas participam de megaoperação contra organização criminosa

Imagem de destaque - Rascunho automático
Compartilhar

Na manhã de terça-feira (6), as Polícia Civil, Militar e Penal  do Paraná estiveram em ação para cumprir 103 ordens judiciais contra uma organização criminosa envolvida em tráfico de drogas, homicídios e furtos em Quedas do Iguaçu, no Oeste do Estado.

As ordens judiciais incluem 53 mandados de busca e apreensão e 50 de prisão preventiva. A operação está sendo realizada simultaneamente em diversas cidades, abrangendo Quedas do Iguaçu, São João, Dois Vizinhos, Francisco Beltrão, Lindoeste, Três Barras do Paraná, Cascavel, Espigão Alto do Iguaçu e Palmas, no Paraná. Além disso, há ações em Campinas (SP), Mundo Novo (MS), Sapezal (MT) e Indaial (SC).

O apoio das polícias civis de Santa Catarina, São Paulo e Mato Grosso do Sul, juntamente com a colaboração da Secretaria de Segurança do Mato Grosso, reforça a abrangência dessa operação. Mais de 300 policiais estão envolvidos, contando com o suporte de helicópteros da PCPR e da PMPR, além da participação de cães policiais.

O objetivo da missão é combater o tráfico de drogas e retirar de circulação indivíduos vinculados a homicídios e furtos ocorridos em Quedas do Iguaçu. Em 2023, o município registrou 19 homicídios consumados e 11 tentativas. Durante investigações complexas, a PCPR constatou que esses crimes estão relacionados a disputas pelo controle do tráfico de drogas na região.

Entre os delitos apurados, destacam-se homicídio consumado e tentado, tráfico de drogas, associação para o tráfico, roubo agravado, furto qualificado e feminicídio. A operação representa um esforço conjunto das forças de segurança para enfrentar a criminalidade e garantir a segurança da comunidade.

 

Imagem de destaque - ALEP
Imagem de destaque - TV A Folha