Pesquisar
Close this search box.

Educação divulga primeiras chamadas do Ganhando o Mundo Agrícola dos EUA

Imagem de destaque - Educação divulga primeiras chamadas do Ganhando o Mundo Agrícola dos EUA
Imagem de destaque - Rascunho automático
Compartilhar

A Secretaria da Educação do Paraná (Seed/PR) divulgou as primeiras chamadas dos alunos para o programa Ganhando o Mundo Agrícola. Já estão disponíveis no site da Pasta o edital com os nomes dos estudantes convocados em primeira chamada e o edital com a chamada complementar, trazendo os nomes dos convocados para substituir os primeiros desistentes.

Os alunos listados estão aptos a preencherem as 100 vagas do programa de intercâmbio que, em 2025, levará os selecionados ao estado de Iowa, nos Estados Unidos, onde terão a oportunidade de participar de um intercâmbio com todas as despesas pagas.

Esta é a primeira edição do Ganhando o Mundo voltada aos alunos de 1ª série dos cursos técnicos em agropecuária, agrícola, florestal, operações de máquinas florestais e agronegócio, matriculados nos centros de educação profissional, da rede de ensino pertencente ao Governo do Estado. A escolha do destino deu-se justamente pelo fato de o estado norte-americano figurar como líder em tecnologia agrícola, oferecendo aos estudantes dos colégios agrícolas paranaenses a oportunidade de aprimorarem seus conhecimentos na área.

“Iowa possui vastas áreas de cultivo e empreendimentos agrícolas de reconhecimento internacional, que adotam tecnologias de ponta para aumentar a eficiência e a produtividade. Durante o intercâmbio, os nossos estudantes terão a oportunidade de aprender, por exemplo, sobre o uso de drones, GPS, sistemas de irrigação e outras inovações que estão moldando o futuro da agricultura”, afirma o secretário estadual da Educação, Roni Miranda.

O programa divulgará nas próximas semanas, novos editais com possíveis convocações. “Os candidatos aprovados, mas que não foram inicialmente convocados, devem se manter atentos, pois o processo de convocação está em andamento. É fundamental que os interessados acompanhem regularmente as publicações oficiais para não perderem oportunidades subsequentes que possam surgir”, reforça Miranda.

Assim como nas demais edições, no Ganhando o Mundo Agrícola os estudantes receberão uma bolsa intercâmbio mensal, composta por cinco parcelas de R$ 800, para cobrir despesas durante o período no exterior. Além disso, os intercambistas contarão com assistência de seguro (viagem e saúde) e acomodação em casas de família ou residências estudantis no país de destino.

GANHANDO O MUNDO – Criado em 2019 pelo Governo do Estado e desenvolvido pela Secretaria da Educação como uma iniciativa de intercâmbio estudantil, o programa já levou 1.240 estudantes da rede estadual de ensino para países de língua inglesa da América do Norte, Europa e Oceania. A nova etapa aos alunos, para 2025, terá 1.200 vagas.

O Ganhando o Mundo Professores teve sua primeira edição no Canadá e Finlândia – na qual participaram 96 docentes. As vagas foram abertas para professores ou pedagogos cursistas e professores ou pedagogos formadores do Programa de educação continuada “Formadores em Ação”.

Depois de estudantes, professores e pedagogos, os diretores da rede estadual terão uma experiência internacional. O anúncio foi feito em fevereiro durante o Seminário dos Diretores com Foco na Aprendizagem, que reuniu em Foz do Iguaçu, no Oeste do Estado, 2 mil profissionais da educação de toda a rede estadual. O programa levará, ainda em 2024, 200 gestores das escolas estaduais para uma capacitação de duas semanas no Chile, com embarques previstos para agosto. O investimento será de cerca de R$ 5 milhões.

MAIS MODALIDADES – Outras modalidades lançadas recentemente foram o Ganhando o Mundo Ciência e Ganhando o Mundo Servidor. Gerido pela Fundação Araucária, o Ganhando o Mundo Ciência prevê, em uma primeira etapa, a oferta de 100 bolsas de iniciação científica e 100 de pós-doutorado aos estudantes e professores das universidades estaduais.

O segundo garante que servidores e agentes públicos do Paraná que se destaquem pelo bom trabalho desempenhado em suas respectivas funções possam receber novas premiações anuais, incluindo viagens internacionais.

Com informações AEN

Imagem de destaque - ALEP
Imagem de destaque - TV A Folha