Pesquisar
Close this search box.

Corpo de Bombeiros encontra corpo de criança de 2 anos que se afogou em córrego

Imagem de destaque - Rascunho automático
Compartilhar

No início da manhã desta quinta-feira (7/3), o Corpo de Bombeiros localizou o corpo da pequena Maria Júlia, de apenas 2 anos e seis meses, que havia desaparecido na tarde anterior após cair em um córrego nos fundos da residência familiar, situada no bairro Boqueirão, em Guarapuava. A confirmação veio por volta das 9h19, segundo informações dos bombeiros, que retomaram as buscas nas primeiras horas do dia.

O corpo da criança foi avistado por uma moradora a aproximadamente um quilômetro da casa. Segundo relatos dos familiares, a menina teria entrado no córrego, mas ninguém presenciou o momento exato do incidente.

Moradores e vizinhos afirmam que a criança não foi vista saindo pela frente da casa, levando à conclusão de que ela possivelmente tenha caído no córrego. A mãe, Elenita, em uma entrevista a uma rádio local, informou que descobriu o par de chinelos da filha dentro do córrego durante a madrugada. O desaparecimento ocorreu em questão de minutos, um descuido que resultou em uma tragédia irreparável.

Emocionada, a mãe relatou à rádio local: “O rio estava cheio na hora. Eu só quero minha filha. Tem gente me julgando que diz que não sabe o que a mãe estava fazendo, só que não sabe a dor que eu estou passando.” A Polícia Militar acompanhou a mãe até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para receber cuidados médicos, considerando seu estado gestacional.

As condições meteorológicas na tarde do incidente mostram que choveu cerca de 27 milímetros na cidade de Guarapuava, resultando em alagamentos em algumas vias. O corpo da pequena Maria Júlia foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Guarapuava, deixando a comunidade local consternada com a trágica perda.

Com informações Rede Sul de Notícias.

Imagem de destaque - ALEP
Imagem de destaque - TV A Folha