Pesquisar
Close this search box.

Confirmados casos de Dengue em Palmas, Secretaria da Saúde alerta sobre os cuidados

Imagem de destaque - Rascunho automático
Compartilhar

A Secretaria da Saúde de Palmas informa que foram confirmados dois casos de Dengue de transmissão local, considerados casos autóctones da doença.

O município já havia apresentado casos de transmissão local confirmados em 2022.

A Administração Pública em conjunto com a equipe de Saúde, pede que a população tome as medidas necessárias para a prevenção, sendo este o mecanismo mais eficiente no combate ao mosquito causador da doença.

Já é sabido que para prevenir a dengue é necessário evitar o acúmulo de água. No entanto, existem diversas dicas que podem auxiliar a prevenção.

Em menos de 15 minutos é possível fazer uma varredura em casa e acabar com os recipientes com água parada, ambiente propício para procriação do Aedes aegypti.

Principais orientações:

– Tampe os tonéis e caixas d’água;

– Mantenha as calhas sempre limpas;

– Deixe garrafas sempre viradas com a boca para baixo;

– Mantenha lixeiras bem tampadas;

– Deixe ralos limpos e com aplicação de tela;

– Limpe semanalmente ou preencha pratos de vasos de plantas com areia;

– Limpe com escova ou bucha os potes de água para animais;

– Retire água acumulada na área de serviço, atrás da máquina de lavar roupa;

– Cubra e realize manutenção periódica de áreas de piscinas;

– Atenção com bromélia, babosa e outras plantas e folhas que possam acumular água;

– Deixe lonas usadas para cobrir objetos bem esticadas, para evitar formação de poças d’água.

É de extrema importância que as pessoas fiquem atentos aos cuidados preventivos contra o mosquito transmissor, bem como, aos sinais e sintomas da doença: febre e mais dois dos seguintes sintomas: dor no fundo dos olhos, dor de cabeça, dores musculares e nas articulações e manchas avermelhadas na pele.

Nestes casos, o paciente deve procurar a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima da sua residência, a fim de que possa ser realizado diagnóstico precoce e tratamento oportuno, possibilitando a agilidade e qualidade do atendimento e as ações de controle ao surgimento de novos casos de Dengue.

Imagem de destaque - ALEP
Imagem de destaque - TV A Folha